Dia Mundial Do Rock


O Dia Mundial do Rock é comemorado em 13 de julho, desde 1985. É um gênero musical que surgiu nos Estados Unidos, na década de 50.

Inovador e diferente de tudo que já tinha ocorrido na música, o rock une um ritmo rápido com guitarras de música negra e do country. É neste contexto que surge Elvis Presley que inicia sua carreira em 1954 e depois se tornaria o rei do rock. Logo em seguida, a banda inglesa dos Beattles massificou o rock. George Harrison mudou a forma de muitos ouvirem música.

Dia Mundial Do Rock

Segundo Alexandre de Almeida, músico, essas influências foram ganhando o mundo de várias formas através de Scotty Moore, guitarrista do Elvis Presley, através do Bill Haley com o som que vinha do canto e misturado na coisa toda, através de Chuck Berry que trazia esse blues de uma forma mais elétrica, mais forte na coisa toda.

Então, a juventude começou a ter alguém que os representasse naquele momento.

O cara que é mais importante nessa mudança, do som do violão pra guitarra, foi George Harrison, dos Beattles. Depois, da década de 1970 pra frente, o rock vai sofrendo diversas influências, como Led Zeppelin imortalizando um solo em Stairway To Heaven.

Para Alexandre, o mais importante do rock foi a mudança sociológica, uma oportunidade dos jovens da época de criticarem o mundo e como se vivia neste mundo.

“O rock com esse início, mudou toda uma forma de ser e de pensar, a parte sociológica do mundo. A sociologia do mundo é outra a partir do rock’n roll.”

O Brasil também teve forte influência no rock, do que acontecia na Europa e nos Estados Unidos, principalmente na década dos anos de 1980 com a Legião Urbana.

“Comecei ouvindo através de uma fita cassete que um tio gravou pra mim, com Peter Frampton,  Pink Floyd, Supertramp, Rod Stewart, Electric Light Orchestra, e aí depois, eu comecei a comprar LPs do Kiss, do Van Halen, e depois, descobri o rock nacional.”  (Rodrigo Lee – Cantor)

Claro que o rock nacional ainda é muito marcado pelas décadas de 1980 e 1990. Mas, segundo Rodrigo Lee, tem muitas bandas da atualidade que continuam realizando um bom rock’n roll.

“Eu vejo que o rock do passado…realmente tem até mais bandas legais no passado, anos 70, 80, 90 até, mas o rock continua, não pára nunca. Graças a Deus que ele não pára, né! E tem gente boa, nova, acontecendo. Tanto nos Estados Unidos, na Inglaterra, como no Brasil. Só que com influências desses rocks dos 70 e 80”, conclui Rodrigo.

E ai, gostou da nossa homenagem ao Dia Mundial do Rock?

Compartilhe!

Veja também: