VÍDEO POEMA SERENATA DE AMOR

Site:http://carmemceciliapoemas.blogspot.com

POESIA E NARRATIVA: CARMEN VERVLOET
MÚSICA: CARMEN
MÚSICA E ARRANJOS: JORGE SAADI
LETRA: LEONARDO BRUNO E JORGE SAADI
DIAGRAMAÇÃO: CARMEN CECILIA

SERENATA DE AMOR

Acordo no meio da noite a sonhar
a lua desliza com as bochechas cheias de vento
ouço ao longe uma voz a cantar
e o som não identificado de um doce instrumento

Levanto-me silenciosamente e abro a janela
reconheço o som suave do violão
a natureza pálida, linda aquarela
borda em estrelas meu coração

O som agora nítido e forte
“Carmen, te amo… te adoro… te quero…
outra vez”…
meu coração viaja lânguido, sem passaporte
entrego-me ao momento que tanto espero,
sem talvez

Serenata de amor ao luar
a beleza da noite flutuando no ar
as flores umedecidas pelo sereno
fazem um bailado em êxtase pleno

Toda a natureza baila ao ritmo do violão
meu amor soltando a voz na canção
“Carmen a hora é agora não vamos deixar passar”
sou apenas um sonho de amor ao luar

As plantas se agitam no meu jardim
as trepadeiras sobem, enroscam-se, caem de novo…
o perfume exala dos brancos jasmins
o pintinho feliz, piando, deixa seu ovo…

Pequenos detalhes que só enxerga o coração
detalhes de vida, de luz, de amor em ação
detalhes que se tornam gigantes como o mar
detalhes sutis percebidos pelo amar

E a serenata continua
seguindo o deslizar da lua
num violão chorado…
acordando o passado

Carmen Vervloet

Planilha de Estudos Para OAB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *